WHAT?

You press the button, I do the rest foi uma experiência fotográfica de um projecto de Design Comunicação 4º ano.
Procura criar e estabelecer uma noção contemporânea do acto fotográfico.
A experiência teve como material máquinas fotográficas descartáveis. Estas foram inventadas pela Kodak e Fujifilm nos anos 80. Pela facilidade de utilização angariou vários adeptos, principalmente em meios turísticos. Sendo um objecto fotográfico de baixo custo a qualidade das imagens normalmente desilude o consumidor.


O projecto iniciou-se com a escolha de três pessoas da Faculdade de Belas Artes que iniciaram 3 correntes: azul, vermelho e verde. Foi-lhes entregue uma caixa de cartão, com a respectiva cor, que transportava uma máquina descartável com 27 exposições. No espaço de 3 dias, os três participantes teriam de “gastar o filme” e fazer uma breve descrição de cada foto. Para tal poderiam usar a própria caixa, ou usar um outro suporte. Uma das fotos deveria corresponder ao auto-retrato. Ao fim de 3 dias a máquina e a caixa deveriam ser-me entregues. No acto de entrega o participante escolheria uma outra pessoa, da faculdade, a quem gostaria de passar a próxima máquina, não necessariamente sua conhecida.
Este “passar o testemunho” repetiu-se até atingir 21 participantes, 7 por cada corrente.
Assim, a minha escolha caiu somente nos 3 primeiros participantes. No decorrer do projecto, um dos escolhidos recusou participar e outro preferiu ficar no anonimato. A distribuição e recepção de máquinas descartáveis iniciaram a 1 de Junho de 2007 e terminaram no dia 25 de Junho.



WHY?


“ Com a fotografia não nos é possível continuar a pensar a imagem separada do acto que a faz ser. A fotografia não é apenas uma imagem (o produto de uma técnica e de uma acção, o resultado de um fazer e de um fazer saber, uma figura de papel que se olha simplesmente na sua clausura de objecto acabado) é também, primeiramente, um verdadeiro acto icónico, uma imagem, se quisermos, mas em trabalho, algo que não é concebível fora das suas circunstâncias, fora do jogo que a anima literalmente sem a sua prova.”

Philippe Dubois em “O acto fotográfico”

Esta experiência teve como objectivo criar um banco de imagens que ilustrassem a noção de fotografia. Pretende analisar a relação entre fotografia e um determinado grupo de pessoas. Uma espécie de sondagem fotográfica.
No acto de tirar fotografias há uma constante recusa e aceitação de imagens/ composições. O “press the button”, mesmo que inconsciente, surge de uma selecção e análise. Temos então 21 diferentes opiniões sobre fotografia. 404 fotografias que ilustram as várias faces da fotografia.

“You press the button, we do the rest.”

George Eastman

Com este slogan, George Eastman apresenta a máquina fotográfica Kodak. Em 1988, Eastman liberta a fotografia das mãos dos profissionais. A partir de agora, todos poderiam dedicar-se à fotografia. Para tal, quando finalizassem o filme, deveriam entregar a máquina usada num laboratório Kodak e mais tarde levantar as fotografias.
Partindo da ideia de Eastman, apropriei-me do slogan, alterando somente o “we”, por “I”. Tornei-me então responsável pelo financiamento, revelação e exposição do projecto. A identidade foi criada à volta do slogan You press the button, I do the rest. Cartazes foram afixados, convites foram entregues. No dia 3 de Julho de 2007, terça-feira, o resultado final foi exposto.



HOW?


As caixas que foram entregues aos participantes revelaram-se bastante importantes para o projecto. Foram suporte para descrições e títulos, e base para a criação de uma identidade gráfica. Por tal, a exposição final surge como uma ampliação destas caixas. Só que desta vez, não transportam máquinas: expõem fotografias. As 21 caixas são apresentadas pela ordem em que se deu cada percurso. Às 17 horas os fotógrafos foram convidados a inaugurar a sua própria exposição. As caixas usadas encontravam-se na mesma disposição, como legenda da instalação.
A exposição é assim pensada como resposta contínua ao conceito do projecto.

Visto o processo analógico ser altamente falível, muitas fotografias se perderam. Mas para essas, existirá sempre uma descrição do fotógrafo.
Este blog pretende expor o resultado do projecto. As fotografias, as caixas usadas, a exposição…You press the button I do the rest irá continuar. Num novo formato ou não… este será o espaço onde tudo será exposto.

Dúvidas, esclarecimentos, opiniões…. youpressthebutton@gmail.com

Um comentário:

Helena disse...

Grande 'Tina!